Loading SEBRAE

Mais buscados: sei Mei CREDITO consultoria Boas praticas

Loading SEBRAE

Notícias

Artesãs de Pelotas exportam produtos para França

15/01/13

Da Redação

COMPARTILHE

Coleção do grupo Redeiras, de Pelotas, ganha reconhecimento internacional

Da Redação

Materiais descartados pelos habitantes da Colônia de Pescadores São Pedro Z-3 são obra prima (Foto: Vinícios Costa)

Pelotas – Escamas, couro de peixe e redes de pesca transformados em colares, pulseiras, brincos, bolsas, carteiras e necesseries. Nas mãos das dez artesãs “Redeiras”, os materiais descartados pelos habitantes da Colônia de Pescadores São Pedro Z-3, em Pelotas, são obra prima. Orientado pelo Sebrae/RS, o grupo ganha espaço fora do país: os produtos da coleção serão exportados para França.

O planejamento estratégico das “Redeiras” foi executado com o apoio do Sebrae/RS que, desde 2009, auxilia através de consultorias na criação de peças e também na gestão do empreendimento. Atualmente, as artesãs são integrantes do Projeto Estadual de Artesanato Expoart, também desenvolvido pela instituição. Conforme a gestora dos projetos de Artesanato no Sebrae/RS, Vânia Fernandes, “a ideia é preparar grupos de artesãos para produzir e comercializar artesanato de qualidade e com identidade para os turistas que virão ao Brasil no período dos grandes eventos como Copa das Confederações, Copa do Mundo e Olimpíadas”.

Capacitação em gestão, oficinas de desenvolvimento de novos produtos e ações de acesso a mercado, assim como a participação em grandes eventos do segmento, fazem parte do plano de ação desenvolvido com as artesãs. Em dezembro de 2012, o grupo participou da Feira Nacional de Artesanato em Belo Horizonte: “Os organizadores do evento trouxeram compradores de vários países para conhecerem o artesanato brasileiro e o interesse pela coleção Redeiras foi imediato”, completa Vânia. As criações originais aliadas à sustentabilidade chamam a atenção e, em breve, estarão em prateleiras de lojas francesas.

Planejamento estratégico do grupo é executado com o apoio do Sebrae/RS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para o presidente do Sebrae/RS, Vitor Augusto Koch, o desempenho do grupo gaúcho é resultado do trabalho realizado pela entidade junto a estes profissionais. “Atuamos para profissionalizar o que já era feito com qualidade e dedicação pelas artesãs. Nossa tarefa é melhorar a gestão do negócio com vistas à abertura de mercado e, consequentemente, a venda de produtos diferenciados”, relata. Koch destaca que, nacionalmente, o Sebrae quer avançar ainda mais na comercialização de peças artesanais.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

16 de Julho de 2018

Fabricantes de bebidas premium prospectam mercado em São Paulo

SAIBA MAIS

 

16 de Julho de 2018

Encontros de negócios abrem oportunidades no segmento metalmecânico

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 16/07/2018 18:12

Empretec é lançado com um workshop em Rio Grande

Sebrae RS Podcast 13/07/2018 14:05

Série sobre Gestão - Plano de Negócios

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: