Loading SEBRAE

Mais buscados: Mei Sei Credito CONSULTORIA BOAS PRATICAS

Loading SEBRAE

Notícias

Notícias

Campo Bom adota medidas para avançar na certificação da Sala do Empreendedor

O espaço já possui o Selo Bronze e tem como meta chegar até o Ouro

atualizado em: 21/10/20

Da Redação

COMPARTILHE

Conhecido por sua vocação de incentivo à geração de novos negócios, Campo Bom fez da Sala do Empreendedor um ambiente de acolhida para os empresários e MEIs (Micro Empreendedores Individuais). Localizado no térreo do Centro Administrativo Municipal, o espaço, que ano passado obteve o Selo Bronze na avaliação feita pelo Sebrae RS em parceria com a Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), prepara-se para avançar na certificação e alcançar, no mínimo, a Prata. “A nossa perspectiva é de conquistar até o Selo Ouro”, afirma o consultor do Sebrae RS André de Souza Machado, responsável pelo acompanhamento da certificação. A avaliação será realizada no dia 09 de novembro, às 14h.

Para subir de patamar, a Sala do Empreendedor ultima as adequações necessárias. De acordo com o consultor, o local já oferece atendimento de plantão do Corpo de Bombeiros, da Junta Comercial, disponibiliza oficinas de cursos, divulga o plano anual de compras da Prefeitura e promove pesquisa de satisfação. No caso da oferta de microcrédito, está em avaliação. Além dos pré-requisitos intermediários, a Sala tem serviços mais avançados e que são exigidos para concessão do Selo Ouro entre os quais atendimento vinculado à OAB, atendimento virtual e alvará online. “Também está em implantação o coworking”, acrescenta.

A analista de Articulação Territorial do Sebrae RS, Paula Nicolini, destaca que a certificação da Sala é um reconhecimento pelos avanços nos serviços prestados, serve como parâmetro para avaliação e também e é uma forma de motivação para que sempre busquem patamares mais elevados.

 

Avaliação

As Salas do Empreendedor são locais mantidos pelo poder público municipal para atender os empreendedores, de maneira simplificada e desburocratizada, com orientação e capacitação. Para isso, esses espaços reúnem em apenas um ponto os serviços oferecidos por várias secretarias e órgãos municipais, como Fazenda e Vigilância Sanitária, por exemplo. Na certificação, são avaliados 24 critérios no total, respondidos pelos responsáveis das Salas pelo link disponibilizado pela FNQ. Após, serão realizadas entrevistas virtuais e as Salas que atenderem os critérios pré-estabelecidos receberão a nova certificação. Para conquistar o selo Bronze, as Salas do Empreendedor precisam ofertar pelo menos nove serviços básicos de uma lista de 12 opções. Estão entre eles serviços de orientação e formalização de empresas e MEI (Micro Empreendedor Individual). 

Para conquistar o selo Prata, além dos pré-requisitos do selo Bronze, são exigidos mais seis serviços intermediários de uma lista de oito opções, como por exemplo o atendimento do Corpo de Bombeiros, orientação para participação nas compras públicas e oferta de microcrédito. Já para ser Ouro, além dos pré-requisitos para os níveis básico e intermediário, é exigido das Salas do Empreendedor o oferecimento de pelo menos mais três serviços avançados de uma lista de quatro opções, coworking, assessoria jurídica, atendimento virtual e alvará online.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

22 de Junho de 2021

Projeto promove o mapeamento do ecossistema local de inovação de Santa Cruz do Sul

SAIBA MAIS

 

18 de Junho de 2021

Nem a crise segura o JK

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 07/06/2021 14:15

Sebrae RS lança novo podcast nas plataformas digitais

Sebrae RS Podcast 31/05/2021 11:15

Integrante do Conexão Pelotas, empreendedor se reinventa e cria novo espaço gastronômico

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: