Loading SEBRAE

Mais buscados: Mei Sei credito consultoria Boas Praticas

Loading SEBRAE

Notícias

Coletivo (uni)verso será um dos participantes do Crie o Impossível, dia 30 de julho

O grupo gaúcho de poesia irá mostrar suas vivências como negros da periferia que se tornaram agentes de transformação

atualizado em: 28/07/20

Da Redação

COMPARTILHE

“Nossa vida é de poeta e o nosso jogo é bruto, hoje a linha é certa pra não ficar de luto.” A poesia do Coletivo (uni)verso servirá de cenário para que os cinco integrantes compartilhem suas histórias de superação com os estudantes do Ensino Médio de escolas públicas de todo o País que participarão do Crie o Impossível, evento 100% online que será realizado dia 30 de julho a partir das 16h. As inscrições são gratuitas no site www.crieoimpossivel.com.br. O lema desta edição é “A palavra convence, mas o exemplo arrasta”. Uma poesia do grupo criada especialmente para o Crie será apresentada por eles durante o evento.

Bianca Machado, conhecida nas rodas de poesia como Bia, conta que o coletivo formado por poetas negros da periferia de Porto Alegre e Região Metropolitana completa dois anos em 2020 e surgiu nas batalhas de poesia de rua, as slam poetry. O nome é dado por se tratar de uma cultura urbana emergente que transforma essas batalhas em manifestações dos anseios, sonhos e desafios dos jovens da periferia.

Coletivo (uni)verso será um dos participantes do Crie o Impossível, dia 30 de julho

“Ficamos amigos e tivemos a ideia do coletivo”, diz Bia, referindo-se a Tiatã, Deaquino, Barth Vieira e Belch, os outros integrantes do grupo. Eles já participaram de eventos culturais como a Feira do Livro, mas será a primeira vez que irão apresentar seu trabalho e suas histórias em nível nacional. “Vamos mostrar nossa trajetória como negros que vieram da periferia e conseguiram conquistar seu espaço enquanto todos falavam que não era possível”, afirma Bia.

Ela é um dos exemplos de jovem que transformou a sua realidade. Cresceu no bairro Lomba do Pinheiro, zona leste de Porto Alegre, e foi a primeira da família, e até agora a única, a conquistar uma graduação superior. Com uma bolsa do Prouni formou-se em produção multimídia pela Fadergs, realizando o sonho da mãe de ter um filho com diploma. Bia tem 25 anos e escreve poesia desde os 13. Há cinco anos, estuda teatro. É da sua arte que ela vive e através dela expõe suas vivências como mulher, homossexual e negra.

 

Protagonismo

Na terceira edição do Crie o Impossível, entre os que vão contar um pouco de suas histórias de vida e deixar suas mensagens aos jovens estão também o ator Babu Santana; o triatleta Thiago Vinhal; o rapper Emicida; o empreendedor e fundador da JR Diesel, Geraldo Rufino; a filósofa e feminista Djamila Ribeiro, a empreendedora social Polyane Costa, o produtor KondZilla; o ator Lázaro Ramos; a executiva do Google, Lisiane Lemos; a médica e vencedora do BBB 20, Thelma Assis e o ativista Rene Silva. O ‘Crie o Impossível’ é uma iniciativa da organização sem fins lucrativos Embaixadores da Educação, com correalização do Sebrae e apoio de diversos parceiros. Nos últimos dois anos, o evento aconteceu no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, e já impactou mais de 15 mil jovens.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

07 de Agosto de 2020

Mercopar 2020 tem nova data

SAIBA MAIS

 

07 de Agosto de 2020

Camaquã prepara-se para o licenciamento automático

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 05/08/2020 09:45

Sebrae-RS inaugura novo Espaço de Negócios em Santa Cruz do Sul

Sebrae RS Podcast 03/08/2020 09:45

Sebrae-RS promove webinar para desmistificar processo de franquear micro e pequenas empresas

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: