Loading SEBRAE

Mais buscados: sei mei CREDITO CONSULTORIA boas praticas

Loading SEBRAE

Notícias

Os pequenos negócios e o giro da economia de Farroupilha

Políticas públicas voltadas para o estímulo às micro e pequenas empresas dão resultados para o município da Serra Gaúcha

15/06/18

Da Redação

COMPARTILHE

Farroupilha – Até o mês de maio de 2018, a prefeitura da cidade de Farroupilha, na Serra Gaúcha, havia registrado 60 editais de compras na modalidade de pregão presencial. Destes, 33 eram exclusivos para microempresas ou empresas de pequeno porte. O dado é apenas um dos exemplos que chama a atenção na gestão atual. Ele representa como é o cenário para empreendedores locais. Mais do que isso: mostra que é possível estimular a atividade econômica e ainda fazer circular a riqueza no próprio município.

Os pequenos negócios e o giro da economia de Farroupilha

Esclarecimentos sobre como participar de licitações já são uma iniciativa bastante frequente na cidade (Foto: Banco de Imagens)

As informações sobre as compras públicas de Farroupilha ainda dão conta de mais análises interessantes: dos sete editais de modalidade de pregão eletrônico, também até o mês de maio de 2018, seis eram exclusivos para os pequenos negócios. Na sede da prefeitura, o calendário anual de compras está disponível no mural específico para esse tipo de compra, bem como para licitações. E quem não puder visitar o local pode acessar pela internet, no link: https://goo.gl/AqAyuN.

De acordo com gestor de Políticas Públicas do Sebrae nas regiões Vale do Taquari, Rio Pardo e Serra Gaúcha, Alexandre Schmitt, o destaque que Farroupilha tem tido entre os municípios gaúchos no apoio às microempresas é decorrência de uma série de ações tomadas dentro de sua própria comunidade, sobretudo no modelo de gestão executivo local. “As evidências de que a prefeitura considera os pequenos negócios como parte relevante de sua economia são claras. Na última edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, no ano passado, eles venceram na categoria Acesso a Mercados”, observa Schmitt. Ele ressalta também que o uso da comunicação de editais por meio do site vale a atenção. “É algo tão simples e fácil. Muitas prefeituras não utilizam as ferramentas disponíveis”, lamenta.

Existe ainda no município uma ampla abertura para pessoas que desejam ter seu próprio negócio. Desde 2015, a prefeitura utiliza recomendações obrigatórias e outras não obrigatórias da Lei 147/2014 que garante alguns benefícios e facilidades aos empresários de micro e pequenas empresas. Conforme o Sebrae RS, o perfil das empresas formalizadas localmente é variado e passa por agroindústrias, comércio e serviços. A organização atua justamente como um elo entre os empresários e o poder público. “Como temos diversas atividades de capacitações, cursos e serviços de orientação para os pequenos negócios, identificamos, por exemplo, que ações de esclarecimentos sobre como participar de licitações já são uma demanda bastante frequente nessa cidade”, explica o gestor. Em outras palavras, as iniciativas de Farroupilha, umas das muitas localidades que é berço de colonização italiana, estão sintonizadas com as demandas de uma comunidade engajada em empreender.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

10 de Outubro de 2018

Empretec voltado para startups abre vagas em Santa Maria

SAIBA MAIS

 

09 de Outubro de 2018

Conhecimento sobre Marketing e Vendas

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 11/10/2018 14:12

Erechim recebe a terceira edição do Desafio de Moda

Sebrae RS Podcast 11/10/2018 14:11

Sebrae promove palestra sobre vendas em Erechim

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: