Loading SEBRAE

Mais buscados: Sei Mei CREDITO Consultoria Boas Praticas

Loading SEBRAE

Notícias

Empreendimentos de saúde organizam compra conjunta

Economia pode chegar a R$ 300 mil entre os 15 residenciais geriátricos que fazem parte do programa desenvolvido por Sebrae RS e Sindihospa

23/05/18

Da Redação

COMPARTILHE

Porto Alegre – Criado em 2017 para potencializar a geração de negócios entre as empresas que atuam nos elos da cadeia de valor da Saúde, no segmento dos residenciais geriátricos, o Projeto Conexão Healthcare acaba de produzir os primeiros frutos. Os 15 empreendimentos que participam do programa concluíram a compra conjunta de luvas descartáveis e estão finalizando a aquisição de fraldas geriátricas (também descartáveis). Esse processo irá gerar uma economia de, aproximadamente, R$ 300 mil, ao grupo, que foi formado a partir de uma parceria entre o Sebrae RS e o Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre (Sindihospa).

Orientação sobre linhas de financiamento para MPEs

Evento aproximará empresas de instituições financeiras (Foto: Banco de Imagens)

O gestor do projeto no Sebrae RS, Lucas Alves, revela que esta é a primeira iniciativa, mas que a meta do Conexão Healthcare é fazer um mínimo de quatro compras ainda em 2018 e atingir uma economia de R$ 1 milhão para as empresas participantes “Desenhamos uma metodologia para que os empreendedores se percebam como parceiros e, dessa forma, possam ter um maior poder de negociação com os fornecedores”, comenta.

O modelo, relatado por Alves, prevê, em um primeiro momento, a escolha de itens de consumo comum ao grupo, seguido pela negociação com potenciais fornecedores e, finalizando, com o faturamento individual. “Quando definimos essa estratégia buscamos organizar um volume considerável de produtos que se torne atrativo aos fornecedores e, ao mesmo tempo, sem gerar um comprometimento individual com grandes volumes, pois estoque parado é dinheiro que pode estar circulando na empresa”, descreve o gestor.

O sócio e gestor do Residencial Geriátrico Recanto da Vó Marlene, Rogério Guaraldi, demonstra grande satisfação com os rumos do Conexão Healthcare. “São mais de 20 anos trabalhando em parceria com o Sebrae RS e desde o início do projeto pude notar que existe uma preocupação em adaptar os métodos e as apresentações para o setor da Saúde. Antes, víamos muitos materiais voltados para lojas ou indústrias. Além disso, com a parceria com o Sindihospa, os empreendedores têm buscado a qualificação para desmistificar o estigma de que residencial geriátrico é local de depósito de idosos”, avalia.

Guaraldi acredita que os dois anos do projeto não serão suficientes para desenvolver as várias demandas dos participantes. “Temos muitas propostas, como a criação de um selo de qualidade para destacar os melhores residenciais geriátricos e, assim, as pessoas poderão conhecer e escolher com mais consciência os melhores locais”, conclui.

Alves informa, ainda, que o próximo passo é adaptar a metodologia para a contratação de produtos e serviços mais complexos, que são o grande peso na folha de gastos dos residenciais. “Se já estamos conseguindo gerar uma economia considerável com produtos que não têm grande destaque no orçamento, imagina quando pudermos otimizar os custos com alimentação a partir de negociação coletiva”, anima-se.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

15 de Junho de 2018

Os pequenos negócios e o giro da economia de Farroupilha

SAIBA MAIS

 

14 de Junho de 2018

A pequena que fornece para a gigante

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/06/2018 16:25

Sebrae realiza palestra focada no setor de alimentação em Caxias

Sebrae RS Podcast 12/06/2018 10:38

Calendário de datas comemorativas é oportunidade para donos de MPEs

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: