Loading SEBRAE

Mais buscados: Mei Sei credito consultoria Boas Praticas

Loading SEBRAE

Notícias

Empresa de São Leopoldo aposta em novas maneiras de venda para driblar crise

Além do delivery, e-commerce e marketplace, empreendedores voltaram para antigo modelo de negócio e montaram loja na garagem de casa

atualizado em: 03/07/20

Da Redação

COMPARTILHE

O fechamento do comércio, ainda no início da pandemia da Covid-19, fez com que as empresas buscassem novas formas de se manterem ativas no mercado. Com as portas fechadas, em função dos decretos estaduais e municipais, muitos empresários apostaram nas vendas online. A empresa Mestres Construtores, revendedora de blocos de montar em São Leopoldo, encerrou o contrato de aluguel para voltar a operar em um antigo modelo de negócio.

“Quando criamos a empresa, o espaço físico era em casa. Com a pandemia, decidimos que teríamos que voltar a esse patamar, mas sem considerar um retrocesso. O momento pedia essa mudança, então organizamos toda a documentação para montar a loja na nossa garagem, que permanece fechada em alguns momentos, seguindo o modelo de distanciamento controlado no Rio Grande do Sul. Mas, com essa mudança, tivemos a redução no aluguel do antigo local e conseguimos investir ainda mais no e-commerce e no marketplace”, explicou Marcos Angelim, sócio-proprietário da Mestres Construtores.

Empresa de São Leopoldo aposta em novas maneiras de venda para driblar crise

Desde março, as vendas online aumentaram 30% e a aposta nesse novo formato já mostra os resultados. “Nossos principais clientes online estão em São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, mas também estamos vendendo para estados como Amazonas e Rio Grande do Norte. Nós percebemos que começamos a ter muito mais visibilidade desde que apostamos nesse tipo de venda”, ressaltou.

O distanciamento social mudou não só a forma de compra e venda, mas também o tipo de produto. A empresa teve um aumento significativo na venda de blocos de montar clássicos, lembrando os modelos mais antigos. “Nós notamos que, com o distanciamento, os pais ficaram saudosistas. Eles precisam ter atividades para fazer com os filhos e nada melhor do que brinquedos que eram da época deles. Então, esse perfil de consumo teve um crescimento muito alto e o nosso estoque chegou a ficar zerado”, contou Angelim.

Para o Sebrae RS, perceber essa mudança no comportamento dos clientes é essencial para se manter perto deles. “As pessoas estão receosas com tudo que está acontecendo, e vão continuar assim por mais um tempo. Então, já que o comportamento deles está mudando, as empresas também precisam se adaptar e avaliar novas formas de chegar nesse cliente”, destacou Taisi Majewski, analista de relacionamento com o cliente do Sebrae RS.

O Sebrae RS presta apoio gratuito às empresas, por meio do telefone 0800.570.0800, das 10h às 16h. Além disso, na página sebraeaoseulado.com.br é possível encontrar  cursos, informações, conteúdos e ferramentas que ajudarão neste momento. “Nosso principal papel é orientar e encontrar alternativas para as empresas. Muitas vezes o que elas precisam é apenas de um direcionamento. Sempre lembrando que esse cliente não é só para agora, ele vai continuar depois da pandemia. Então, tratá-lo com carinho e mostrar que ele é importante para o seu negócio, faz toda a diferença”, ressaltou Taisi.

Empresa de São Leopoldo aposta em novas maneiras de venda para driblar crise 1

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

07 de Agosto de 2020

Mercopar 2020 tem nova data

SAIBA MAIS

 

07 de Agosto de 2020

Camaquã prepara-se para o licenciamento automático

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 05/08/2020 09:45

Sebrae-RS inaugura novo Espaço de Negócios em Santa Cruz do Sul

Sebrae RS Podcast 03/08/2020 09:45

Sebrae-RS promove webinar para desmistificar processo de franquear micro e pequenas empresas

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: