Loading SEBRAE

Mais buscados: sei Mei CREDITO consultoria Boas praticas

Loading SEBRAE

Notícias

Região Sul lidera entrega da Declaração Anual do MEI

05/06/13

Da Redação

COMPARTILHE

66% dos Microempreendedores Individuais gaúchos estão em dia com as obrigações acessórias da Receita Federal

Da Redação

MEI é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário (Foto: Simone Guedes)

Porto Alegre – Cerca de 100 mil Microempreendedores Individuais (MEIs) do Rio Grande do Sul entregaram a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-SIMEI) à Receita Federal no prazo, expirado em 31 de maio. O número representa 66% dos gaúchos optantes pelo regime simplificado de tributação e coloca o Estado em 3º lugar no ranking da entrega do documento, atrás apenas de Santa Catarina e Paraná. Estavam aptos a entregar a DASN-SIMEI no Estado, 152.152 MEIs. O número representa o total de profissionais formalizados até 31 de dezembro do ano passado.

Os MEIs que não enviaram o documento dentro do prazo estabelecido ficarão impossibilitados de emitir os boletos de arrecadação mensal do ano de 2013, que garantem benefícios como aposentadoria, auxílios-doença e maternidade, participação em licitações e emissão de nota fiscal. “É preciso que os microempreendedores individuais cumpram seus compromissos para não perderem as vantagens dessa política pública que foi construída especialmente para eles”, analisa o presidente do SEBRAE/RS, Vitor Augusto Koch.

O Microempreendedor Individual é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para ser um MEI é necessário faturar até R$ 60 mil por ano e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular. Estes empresários são enquadrados no Simples Nacional e ficam isentos dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). A formalização é gratuita. Para se manter na categoria é preciso, apenas, pagar o valor fixo mensal de R$ 32,10 (comércio ou indústria) ou R$ 37,10 (prestação de serviços), que será destinado à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS. Essas quantias serão atualizadas anualmente, de acordo com o salário mínimo.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Siga o SEBRAE RS

Notícias

16 de Julho de 2018

Fabricantes de bebidas premium prospectam mercado em São Paulo

SAIBA MAIS

 

16 de Julho de 2018

Encontros de negócios abrem oportunidades no segmento metalmecânico

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 16/07/2018 18:12

Empretec é lançado com um workshop em Rio Grande

Sebrae RS Podcast 13/07/2018 14:05

Série sobre Gestão - Plano de Negócios

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: