Loading SEBRAE

Mais buscados: MEi Credito Sei BOAS PRATICAS consultoria

Loading SEBRAE

MEI

MEI, ATENÇÃO! O prazo para regularizar seus débitos foi prorrogado até 30/09/2021

atualizado em: 20/08/21
Giulia da Silva Mattos

Giulia da Silva Mattos

Gerência de Relacionamento com Clientes e Canais

COMPARTILHE
Regularize seus DAS pendentes e evite transtornos.

No dia 04/08/21 o Simples Nacional divulgou uma notícia que impacta diretamente os Microempreendedores Individuais (MEIs). O comunicado alertou que os débitos que não forem regularizados serão inscritos na Dívida Ativa.  

 

Em 30/08/21 a Receita Federal prorrogou o prazo para regularização até 30/09/2021Clique aqui para ver a notícia completa. Além da prorrogação, ficou definido que irão para Dívida Ativa somente os contribuintes que possuam débitos da competência 2016 e que não tenham parcelado estes valores neste ano (2021). 

 

Quem será impactado com essa mudança? 

Todos os MEIs que tenham pelo menos um débito relativo a 2016 e não tenham realizado parcelamento no ano de 2021.

 

Os MEIs que possuam dívidas somente a partir de 2017, ou tenham realizado o parcelamento em 2021, não terão seus débitos inscritos em dívida ativa neste momento. 

 

O MEI que NÃO possui DAS em atraso de pagamento, não será impactado. 

 

Como regularizar os débitos dentro do prazo? 

 

O MEI terá até o dia 30/09/2021 para regularizar os DAS de 2016 em atraso já declarados através da DASN-Simei. Para isso, é necessário acessar o Portal GOV.BR e emitir o DAS único para pagamento ou realizar o parcelamento destes débitos. Caso queira realizar o pagamento à vista dos débitos em guia única, Clique aqui. Porém, se preferir realizar o parcelamento, Clique aqui

 

O que acontece caso o MEI não regularize os débitos de 2016 até 30/09/2021? 

A partir de outubro/2021, os débitos não pagos passam a ser enviados para a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN) para serem inscritos em Dívida Ativa da União. Lembrando que a regra se aplica apenas para quem possui pelo menos 1 guias DAS pendente de 2016. Para mais informações sobre Dívida Ativa da União, clique aqui

 

Além da inscrição em Dívida Ativa da União, o MEI inadimplente poderá sofrer as seguintes penalizações: 

 

- Perder a qualidade de segurado no INSS e, com isso, deixar de usufruir dos benefícios previdenciários; 

- Ter seu CNPJ cancelado (conforme a Resolução CGSIM 36/2016); 

- Ser excluído dos regimes Simples Nacional e Simei pela Receita Federal, Estados e Municípios (conforme art. 17, inciso V da LC 123/06); 

– Ter dificuldade na obtenção de financiamentos e empréstimos. 

 

Caso precise de mais informações sobre esse assunto, não deixe de buscar auxílio no Sebrae mais próximo ou entrar em contato com a nossa Central de Relacionamento, através do 0800 570 0800!

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

15 de Julho de 2024

Sala do Empreendedor de Cruz Alta realiza mais de 4 mil atendimentos no primeiro semestre de 2024

SAIBA MAIS

 

15 de Julho de 2024

Evento em Gramado vai colocar os terroirs brasileiros em pauta

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/07/2024 14:30

Divulgar a gastronomia e paisagens gaúchas são apostas para retomar o turismo no RS

Sebrae RS Podcast 12/07/2024 13:00

Retomada dos pequenos e médios negócios de varejo é tema de podcast do Sebrae RS

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: