Loading SEBRAE

Mais buscados: Sei Mei CRÉDITO consultoria BOAS PRATICAS

Loading SEBRAE

Economia Digital

Processos Corporativos

Gestão do Conhecimento: minimizar erros para garantir resultados

14/06/18
Lucas Jaskulski

Lucas Jaskulski

Diretor da Pulpo

COMPARTILHE
Os erros repetitivos, principalmente, não afetam apenas na redução da receita, mas também dificultam a possibilidade de crescimento do negócio

Nos artigos anteriores, abordamos como a Gestão do Conhecimento pode ajudar a criar uma empresa inteligente e também como ela pode minimizar a rotatividade de colaboradores e minimizar seus impactos.

Agora, neste texto final desta série, vamos abordar um dos temas que mais comprometem o bom andamento e produtividade de uma empresa, que é a frequência de erros que uma equipe comete. Os erros repetitivos, principalmente, não afetam apenas na redução da receita, mas também dificultam a possibilidade de crescimento do empreendimento.

Para sanar esse problema, é necessário encontrar a fonte desses erros, descobrir onde a informação está se perdendo e o que está ocorrendo para que os colaboradores não consigam executar as tarefas da maneira correta. Criar uma cultura de Gestão de Conhecimento é um passo importante para evitar que possíveis erros aconteçam. Com um processo bem definido sobre as informações relevantes, você irá maximizar a produtividade do seu time, uma vez que os erros frequentes serão erradicados, diminuindo, também, o índice de retrabalho dentro da empresa.

Gestão do Conhecimento: o desafio da alta rotatividade de colaboradores

Mas como uma cultura de conhecimento irá eliminar esse problema? Com a implementação de uma prática recorrente para o registro de conhecimento e colaboração dentro da sua empresa, problemas como perda de produtividade e retrabalho – que podem ser causados pela frequência de erros – sofrerão uma grande redução.

Veja como você poderá resolver esse problema dentro da sua empresa:

1. TORNE O CONHECIMENTO ACESSÍVEL

Informações de fácil acesso podem ajudar seu colaborador a passar por um obstáculo ou até tirar alguma dúvida. Os erros acontecem quando a pessoa não está apta para realizar a tarefa proposta, porém, se as informações que ela precisa para realizar a atividade estão ao seu alcance de maneira fácil e rápida, ela ganhará tempo na execução e diminuirá os riscos de cometer erros. Uma base de conhecimento irá auxiliar seu funcionário, fornecendo acesso fácil à informação que ele necessita para resolver seus desafios pontuais dentro da empresa. O conhecimento não deve ser de domínio de uma pessoa, e sim de todos aqueles que têm interesse ou necessidade.

Se todos os departamentos de sua empresa trabalharem em harmonia, compartilhando informações importantes e tendo sinergia com seu propósito, as chances de crescimento de seu negócio e de seus colaboradores aumentarão consideravelmente.

2. DESENVOLVA COLABORADORES MAIS CONFIANTES

Com uma base de conhecimento você irá assegurar que seus colaboradores cumpram suas funções com maestria, eliminando a chance de ocorrer erros. Eles irão se sentir mais seguros e confiantes dentro da empresa, pois terão convicção que seu trabalho está sendo executado da maneira correta, e sempre que sentirem alguma dúvida terão um suporte para auxiliá-los.

Uma equipe bem informada é uma equipe forte. Funcionários desenvolvem confiança executando suas tarefas quando entendem a maneira que precisa ser feita para obter os resultados esperados.

3. PROVOQUE NOVAS IDEIAS

Quando um processo está formado do início ao fim e é bem executado, mas não traz os resultados esperados, é porque há alguma falha. Poder visualizar as informações dos processos internos facilita a identificação de possíveis erros.

Ao identificar onde há falhas, o colaborador pode sugerir novas ideias e buscar a melhor solução para resolver esse problema. Mais importante que ter processos bem definidos é ter a maleabilidade necessária para modificá-los quando os resultados demonstram que eles precisam ter uma melhoria pontual. Atentar para as ideias vindas da equipe é uma fonte riquíssima para essas otimizações nos processos internos.

4. TENHA ATENÇÃO ÀS MÉTRICAS

Defina métricas de controle para a produtividade e eficiência da sua equipe. Pontos como tempo para entrega de tarefas, qualidade de atendimento e índice de retrabalho devem ser uma obsessão para o seu time. Controlar as métricas de produtividade do seu negócio fará uma grande diferença na lucratividade e aumentará sua competitividade perante os concorrentes.

O retrabalho é um problema que atinge muitas empresas e equipes. O tempo que poderia ser destinado para realizar novas tarefas, muitas vezes, é desperdiçado na realização de uma mesma. Mantendo as informações necessárias para cada área da sua empresa em uma base de conhecimento é possível evitar que erros ocorram, evitando o retrabalho. Se uma tarefa for cumprida da maneira correta na primeira vez, as chances de ter que refazê-la serão menores.

Produtividade

Produtividade é uma fórmula que envolve tempo e qualidade. Qualquer atividade que possa ser feita em um menor tempo com igual ou maior qualidade é um ganho em produtividade. Oportunidades para melhoria nesse tema não faltam em todas as empresas. Não existe empresa que não possa otimizar o seu negócio e a sua gestão ainda mais. Para isso, existem diversas ciências e soluções específicas para que, em cada área, o empreendimento possa ter os seus ganhos econômicos em produtividade. Pode-se dizer que os ganhos em produtividade seriam o resultado final de um processo bem feito de Gestão do Conhecimento.

A partir da criação de uma cultura como essa no negócio, as melhorias podem chegar a 25% da média salarial dos colaboradores, segundo pesquisa feita pela McKinsey. Cabe lembrar aqui que esse trabalho foi feito com empresas americanas e que aplicando à realidade brasileira esse número pode ser muito maior. Criamos, inclusive, uma calculadora de ROI para que o empresário ou gestor possa medir os ganhos do seu negócio a partir de uma cultura de Gestão do Conhecimento. Ante um mercado muito acirrado, onde centavos contam para a aquisição de um novo cliente ou sucesso de um projeto, devem-se levar em conta os ganhos em produtividade que a empresa pode vir a ter. Em um exemplo prático, imagine que uma pessoa tenha uma dúvida durante a execução de uma atividade. Essa situação ocorre incontáveis vezes durante o percurso de um colaborador na empresa e geralmente a solução é parar o seu trabalho e o de um outro mais experiente para resolver o problema. O caso piora quando essa dúvida já foi respondida em um caso similar ou ainda para a mesma pessoa que está perguntando. O tempo gasto nesse processo ineficiente tende a ir se acumulando e se transformando em uma grande perda de dinheiro ao final de um mês.

Uma empresa que não atenta a questões como essas referentes à produtividade, acaba deixando de alocar os seus recursos mais caros, ou seja, os profissionais mais experientes em atividades com maior valor agregado e um resultado mais rentável. A chance dessa ineficiência se tornar um ciclo vicioso de perda de conhecimento é grande, e os prejuízos irão afetar o caixa da empresa de forma silenciosa, porém implacável.

Conclusão

Como visto, para criar uma empresa inteligente e que esteja organizada para um crescimento sustentável é fundamental investir em um projeto de Gestão do Conhecimento.

O Pulpo possui uma metodologia amparada por uma plataforma que auxilia pequenas e médias empresas a criar uma cultura de compartilhamento de conhecimento e fazer com que as pessoas consigam ser mais produtivas na sua rotina e passem mais tempo ao lado de quem realmente importa.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Veja Mais

Economia Digital

Tendências

10 tecnologias estratégicas para 2019

Notícias

22 de Janeiro de 2019

“Conseguimos reduzir 3 mil reais nas despesas mensais”, diz sócia da Jacuhy

SAIBA MAIS

 

21 de Janeiro de 2019

Pequenas vinícolas têm oportunidade de exposição na Festa da Uva

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 15/01/2019 18:07

Sebrae-RS cria projeto focado em inovar empresas de varejo

Sebrae RS Podcast 14/01/2019 17:44

Conselho Deliberativo Estadual do SEBRAE-RS tem novo presidente

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: