Loading SEBRAE

Mais buscados: Sei Mei Credito consultoria boas praticas

Loading SEBRAE

Energia

Tendências

Cinco tendências para o setor de energia no brasil

atualizado em: 22/11/17
Fabiano Cislaghi Dallacorte

Fabiano Cislaghi Dallacorte

Coordenador estadual do Metalmecânico e Energia do SEBRAE RS.

COMPARTILHE
O crescimento da tecnologia embarcada em implementos agrícolas aumenta a necessidade pela geração de energia em pontos remotos

Clique no play acima para ouvir o conteúdo!

O setor de energias renováveis está em crescente ascensão desde a publicação da regulamentação normativa RN 482/12, que permite que qualquer sistema conectado a rede possa gerar sua própria energia e trocar créditos com a distribuidora. Como as oportunidades para as pequenas empresas aumentam conforme a adoção da tecnologia em massa, citamos a seguir cinco tendências para o setor nos próximos anos.

1) Aumento da necessidade de energias renováveis no país: quando se fala em energia renovável, o Brasil é visto como um país que possui diversas oportunidades. A matriz energética brasileira possui uma grande diversificação, já que o país consegue produzir energia limpa a partir de diversas fontes e inseri-las aos poucos na matriz elétrica. A vantagem brasileira para os países desenvolvidos, é que enquanto os mesmos são obrigados a aumentar a participação de fontes renováveis disponíveis, o Brasil, por sua diversificação de fontes limpas, só precisa complementar a matriz elétrica com elas e aproveitar a potência dos recursos naturais oferecidos. Dessa forma, abre-se oportunidade de mercado para empresas que queiram adequar seus produtos e serviços para o fornecimento voltado para a cadeia da energia.

2) Utilização de insumos agrícolas para a geração de energia: Além da energia eólica e energia solar, a produção a partir da biomassa também está crescendo. Devido à crise hídrica de anos anteriores, o aumento da participação das termelétricas no país fez com que a produção de gás natural também crescesse.

3) Pesquisa e desenvolvimento de novos produtos: a medida que a massificação dos investimentos na geração de energia renovável aumenta, cresce a necessidade pelo aumento da produtividade dos equipamentos utilizados. Esse movimento abre espaço para a concepção de tecnologias mais eficientes para a redução do desperdício e das perdas durante o processo de geração de energia.

4) Necessidade de geração de energia off-grid: o crescimento da tecnologia embarcada em implementos agrícolas aumenta a necessidade pela geração de energia em pontos remotos, distantes das linhas de distribuição, abre oportunidade para o fornecimento de painéis solares. Sistemas como bombas de irrigação podem ser alimentados por energia gerada localmente, reduzindo o investimento do produtor rural com relação à transmissão de energia de forma convencional.

5) Abertura de linhas de financiamento específicas para o setor de energias renováveis: a tendência de criação de linhas de financiamento específicas para o consumidor que necessita  gerar sua própria energia fará com que a demanda por novos produtos aumente. Com juros mais baixos que as linhas para máquinas e equipamentos, o retorno sobre o investimento é mais rápido e incentiva a implementação de tecnologia tanto para indústrias como para o agronegócio, comércios e construção civil.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

14 de Novembro de 2019

Sebrae RS e Sicredi assinam convênio para incentivar empreendedorismo

SAIBA MAIS

 

14 de Novembro de 2019

Vinte e sete empresas participam da Estação Moda RS na Feira Zero Grau, em Gramado

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 14/11/2019 16:53

Caxias do Sul recebe seminário Junta Digital do Sebrae-RS

Sebrae RS Podcast 14/11/2019 16:48

Sebrae RS terá estande coletivo de moda na feira Zero Grau, em Gramado

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: