Loading SEBRAE

Mais buscados: SEI MEI credito Consultoria boas praticas

Loading SEBRAE

Energia

Diminua os custos

Comércio pode reduzir o custo com a conta de luz

05/07/17
Luis Guilherme Menezes

Luis Guilherme Menezes

Gerência Setorial da Indústria

COMPARTILHE
Em geral, em uma instalação comercial há dois grandes consumidores de energia: iluminação e geração de frio, seja ar-condicionado ou balcões de refrigeração de perecíveis

Um dos principais custos do varejo, a conta com energia elétrica pode ser reduzida significativamente se o lojista adotar uma série de medidas eficazes. O primeiro passo é entender de onde está vindo o custo de energia.

Basta listar todos os equipamentos do ponto de venda e os outros itens que consomem energia, traçando um mapa do consumo mensal. De posse dessas informações, é hora de buscar formas de reduzir o consumo e, se possível, contratar consultorias especializadas em elaborar esses planos.

Em geral, em uma instalação comercial, há dois grandes consumidores de energia: iluminação e geração de frio, seja para o ar-condicionado ou balcões de refrigeração para conservar alimentos perecíveis – pontua Paulo Milano, diretor da Siclo Consultoria em Energia.

Substituir lâmpadas antigas pelas de LED é uma boa opção. Além de serem mais eficazes, Milano explica que, como geram menos calor, o sistema de refrigeração passa a exigir menos energia para manter a temperatura. Outras medidas simples, como o tipo de luminária, sua posição correta e a própria limpeza, condições importantes para manter um bom fluxo luminoso.

A diferença no consumo energético entre as opções de iluminação pode ser percebida no gasto a cada hora. Uma lâmpada incandescente de 60W, por exemplo, consome a mesma energia que uma luminária LED de apenas 4,5W. Isso representa uma economia de 55,5W a cada hora – exemplifica Matheus Nunes Ribeiro, consultor da área de estratégia e inteligência de mercado da Ludfor Consultoria em Energia.

38_energia_comercio

Para moderar a despesa com o ar-condicionado, recomenda-se a troca de aparelhos antigos pelos modernos, com tecnologia mais eficiente, assim como manutenção e limpeza dos filtros, indispensáveis para obter resultados compensadores.

Também é preciso verificar os equipamentos que dissipam muito calor e avaliar a quantidade ideal de condicionadores de ar para cada ambiente. A melhor forma de economizar sem necessidade de fazer um investimento em equipamentos, recomenda Ribeiro, é fazer o uso inteligente da energia, com o gerenciamento correto quanto à forma que é utilizada.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

19 de Julho de 2018

O que a NRA Show ensinou aos empresários

SAIBA MAIS

 

19 de Julho de 2018

Resultados de 2017 superados no 3º dia da Francal

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 18/07/2018 09:58

Sebrae realiza seminário sobre Junta Digital em Lagoa Vermelha

Sebrae RS Podcast 17/07/2018 18:29

Sebrae em Pelotas promove a Sessão de Crédito para micro e pequenas empresas

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: