Loading SEBRAE

Mais buscados: Mei sei crédito consultoria boas Praticas

Loading SEBRAE

Grãos em Sistema Integrado

Tecnologia

Nova Tecnologia

atualizado em: 21/08/18
SEBRAE RS

SEBRAE RS

Redação

COMPARTILHE
Tecnlogia Widestrike 3 vem sem blindagem para glifosato

Uma nova tecnologia geneticamente modificada para o algodão foi aprovada pela Comissão Nacional de Biossegurança (CTNBio) no início deste mês de agosto. Trata-se do algodão Widestrike 3, da Dow Agrosciences. O deferimento foi expedido na última reunião da Comissão, e, a partir daí, a empresa obtentora tem de submeter as variedades de algodão com a nova tecnologia para o Registro Nacional de Cultivares (RCN), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que, só após essa etapa, será liberada para o mercado.

Nova Tecnologia

O Widestrike 3 é uma nova geração da tecnologia, com maior eficácia contra lagartas, graças à combinação de três proteínas Bt: Cry1F, Cry1Ac, VIP3A. Ela também possui tolerância ao herbicida glufosinato de amônio (gene Pat), mas não ao glifosato. Essa última característica faz com que a cultivar possa se tornar uma opção na estratégia de manejo das plantas voluntárias de algodão pelo produtor, facilitando o cumprimento do vazio sanitário exigido por lei para o controle do bicudo do algodoeiro. As cultivares com a nova tecnologia foram desenvolvidas para o Brasil, que enfrentou nas safras recentes uma grande pressão de lagartas nas lavouras. Uma versão com tolerância ao glifosato já foi aprovada no Japão, México e Coreia do Sul.

A aprovação da CTNBIO aplica-se para o cultivo, produção, manipulação, transferência, comercialização, importação, exportação, armazenamento, consumo da liberação e do descarte do organismo geneticamente modificado e de seus derivados para fins comerciais. Quatro outros processos para OGM de algodão ainda tramitam na CTNBio.

Para o presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão, Arlindo de Azevedo Moura, a novidade é bem-vinda. “A pesquisa e o desenvolvimento de novas tecnologias em cultivares transgênicas, junto com o melhoramento genético, tem sido fundamental para o Brasil avançar na produtividade, como tem acontecido nos últimos vinte anos”, afirma.

Texto originalmente publicado em: Abrapa

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Veja Mais

Grãos em Sistema Integrado

Tradição e Inovação

Caminhos para a agricultura moderna

Grãos em Sistema Integrado

Técnicas

Mitos e realidades na integração lavoura e pecuária

Grãos em Sistema Integrado

Mercado

Os preços dos produtos agrícolas

Notícias

03 de Julho de 2020

Doces de Pelotas são vendidos online nas comemorações de aniversário do município

SAIBA MAIS

 

03 de Julho de 2020

Empresa de São Leopoldo aposta em novas maneiras de venda para driblar crise

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: