Loading SEBRAE

Mais buscados: Sei MEi credito Consultoria BOAS PRATICAS

Loading SEBRAE

Agroindústria familiar acelera produção de leite

atualizado em: 12/01/17
Fabiola Catarina

Fabiola Catarina

Gerência de Relacionamento com Clientes

COMPARTILHE

A capacidade produtiva da empresa Fabian Lacteos aumentou mais de 300%

Moradores de Barão do Cotegipe, cidade da região Norte do Rio Grande do Sul, a família Fabian-Wziontek percebeu na agroindústria um bom negócio. Além da geração de emprego, a renda foi mais um fator que atraiu os integrantes da família a empreender. Dispostos a colocar a mão na massa, nasceu a Fabian Lacteos que, em cinco anos, já aumentou a capacidade produtiva em 375%.

Em 2007, ano que a empresa nasceu, os trabalhos eram realizados de forma caseira, com base no conhecimento tácito. A pasteurização do leite “in natura” – conhecido como leite cru – e a fabricação de queijos e bebidas lácteas eram as principais atividades do empreendimento. Inicialmente, a produção mensal era de 800 litros de leite pasteurizado e 100 kg de queijo. A partir daí, surgiu a ideia de investir em uma pequena indústria do setor de laticínio. “No começo da empresa, iniciou-se a venda focada no leite. A comercialização era feita nos mercados, em feiras, nos hospitais e nas escolas. Aos poucos, com aumento da procura por queijo e bebida láctea, a agroindústria foi mudando o foco, ampliando a produção”, explica Edinéia Fabian, que dedica tempo integral à empresa da família.

Em busca de produtos feitos de acordo com as normas de processamento, promovendo o sabor tradicional e com o aproveitamento de mão de obra própria em todas as fases da industrialização, a família procurou os serviços do Sebrae/RS. O primeiro passo foi sair da informalidade. A Fabian Lacteos não era devidamente registrada e passou a contar com o Serviço de Inspeção Municipal (S.I.M). O serviço controla a qualidade dos produtos de origem animal, monitora e inspeciona o local e a higiene dos procedimentos. Ou seja, hoje a pequena empresa oferece alimentos com qualidade e segurança garantida aos consumidores.

A convite da Secretaria Municipal, a empresa aderiu ao projeto coletivo do Sebrae RS Desenvolver Sistemas Agrofamiliares da Região Norte que, durante dois anos, proporcionou cursos, visitas técnicas e consultorias gerenciais e tecnológicas. Diante dessas capacitações, surgiu a oportunidade de um novo produto: o doce de leite. Para ter certeza de que a prática dessa ideia traria resultados positivos, as consultorias Sebraetec entraram em ação. De acordo com o presidente da instituição, Vitor Augusto Koch, as consultorias são mais uma ferramenta que aprimora processos e produtos, como também insere a inovação nos empreendimentos e, consequentemente, no mercado. Com a função de atender as reais necessidades da Fabian Lacteos, a consultora da instituição e engenheira de alimentos Salete Floriano deu o pontapé inicial nas melhorias.

Aumento na qualidade do queijo colonial e condimentado, textura e sabor da bebida láctea, desenvolvimento de tabelas nutricionais – com informações claras e específicas – e avanço do processo de conservação do queijo, através do controle de temperatura e umidade, foram alguns dos benefícios implementados durante o trabalho da Salete. “O engajamento de toda a equipe da empresa em realmente colocar em prática todos os ensinamentos fez com que a consultoria realmente funcionasse”, completa a engenheira.

Por apresentarem, com orgulho, novos produtos e a preocupação com a qualidade, com as boas práticas de fabricação e com a família envolvida na produção, os integrantes da pequena empresa sonham em desenvolver alimentos diferenciados no mercado e consagrar a Fabian Lácteos na cidade natal e em toda a região Norte. O gestor do projeto do Sebrae/RS, Ronaldo Kloeckner, exibe mais resultados desenvolvidos pelo Sebraetec: “Hoje são industrializados, por mês, 3.000 litros de leite, 500kg de queijo e 500 litros de bebida láctea. O aumento da capacidade produtiva, depois das consultorias, faz com que a empresa seja forte candidata a alcançar novos mercados, não só em Barão do Cotegipe”, afirma.

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Veja Mais

Marketing e Vendas

Inteligência Comercial

Potencialize suas vendas!

Notícias

12 de Novembro de 2019

Negócios de economia criativa da Capital precisam aperfeiçoar sua gestão

SAIBA MAIS

 

12 de Novembro de 2019

Edelbrau, parceira do Sebrae RS, recebe prêmio principal da Copa Internacional da Cerveja POA

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 08/11/2019 16:01

Estão abertas as inscrições para participar da Feira de Hannover em 2020

Sebrae RS Podcast 07/11/2019 14:33

Programa de segurança do alimento credencia restaurantes de Santa Maria

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: