Loading SEBRAE

Mais buscados: Mei SEI Crédito Consultoria Boas praticas

Loading SEBRAE

Coronavírus

Os pequenos negócios e as alternativas para agir com seus colaboradores frente ao coronavírus

atualizado em: 23/03/20
Rubia Marques Dornelles

Rubia Marques Dornelles

Gerência de Soluções

COMPARTILHE
Neste momento, é preciso ser ágil e adotar estratégias para se adequar de forma rápida ao novo momento.

Considerado como pandemia, em 11 de março, o Coronavírus (COVID-19), deixou todos em alerta. Com uma disseminação rápida e massiva, na China em dezembro de 2019, espalhou-se deixando outros países da Ásia em estado de emergência. E, assim foi se alastrando e fazendo vítimas pelo resto do mundo.

A economia global tem enfrentado prejuízos devido à crise econômica que afeta diretamente a saúde das empresas. Os pequenos negócios têm mais agilidade e podem reagir mais rapidamente e dar respostas mais rápidas, no contexto de crise. Construção civil, alimentação fora do lar, moda e varejo tradicional são alguns dos setores que sentirão mais impactos pela pandemia do Coronavírus (COVID-19), no Brasil. Mapeamento do Sebrae mostra que, além destes, outros 10 segmentos estão entre os mais afetados e totalizam mais de 12,3 milhões de negócios, que respondem por mais de 21,5 milhões de empregos. O total de pessoas empregadas nas pequenas empresas é de 46,6 milhões, segundo dados da RAIS de 2018.

Em meio a isso, estamos todos nós, a sociedade em geral, acompanhando as orientações dos órgãos oficiais e tentando de alguma forma não entrar em estado de crise. Uma crise é ocasionada por uma grande mudança temporária. Neste momento, é preciso ser ágil e adotar estratégias para se adequar de forma rápida ao novo momento. Algumas alternativas podem ser consideradas pelos pequenos negócios nas relações de trabalho com seus colaboradores, visando à manutenção dos negócios e o fortalecimento dos mesmos a partir da crise.

  1. Reaja ao impacto do vírus

Aja para minimizar os riscos buscando proteger as pessoas, sejam elas colaboradores ou a comunidade.

Fique atento aos sintomas dos colaboradores, em caso de suspeita, aja rápido.

Incentive as práticas de higiene.

Promova a limpeza regularmente

Desencoraje contatos e compartilhamento de espaços e objetos

Disponibilize álcool gel (>70%)

  1. No ambiente de trabalho

Mantenha a saúde mental dos colaboradores identificando quadros de estresses ou ansiedade da equipe.

Dissemine as orientações oficiais sobre como se prevenir, evitando bombardeio de informações. A comunicação deve ser clara.

Utilize os canais de comunicação interna como, e-mail, quadros, cartazes, grupos de whatsapp, site da empresa e intranet.

Adote as recomendações e orientações oficiais sobre cuidados e higiene.

Nunca rotule ou divulgue os colaboradores que estejam em suspeita.

  1. Home-office ou teletrabalho – Se a atividade permitir, o colaborador pode realizar suas atividades normalmente a partir de sua casa.

Defina o trabalho que será realizado.

Verifique as ferramentas, sistemas e estrutura necessária.

Estabeleça contatos periódicos com reuniões e acompanhamento do plano de trabalho.

  1. Banco de Horas – Se a empresa já possui um, pode ser o momento de adotar esta opção para o afastamento temporário de seus colaboradores.

Defina as regras para utilização do banco de horas e como ele vai funcionar. Faça uma boa gestão deste Banco.

  1. Escala de Trabalho

Faça escalas de trabalho conforme a necessidade de ter pessoas de forma presencial.

  1. Férias Coletivas ou Antecipação de Férias

Caso você identifique que a situação impossibilita o trabalho presencial, verifique junto ao Sindicato da categoria a possibilidade de acordo de férias coletivas.

Avalie antecipar as férias normais de seus colaboradores.

  1. Consulte e realize os procedimentos legais.

Acompanhe e esteja atento às medidas que estão sendo tomadas pelo Governo e que impactam nas relações das empresas com seus colaboradores: http://trabalho.gov.br/noticias

Epidemia – rápida disseminação de uma doença sobre um grande número de pessoas numa determinada população dentro dum curto período de tempo.

Pandemia – doença infecciosa que se espalha entre a população localizada numa grande região geográfica como, por exemplo, um continente, ou mesmo o Planeta Terra.

Coronavírus (COVID-19) – doença infeciosa causada pelo coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2).

Sebrae – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas é uma entidade privada brasileira de serviço social, sem fins lucrativos, criada em 1972, que objetiva a capacitação e a promoção do desenvolvimento econômico e competitividade de micro e pequenas empresas, estimulando o empreendedorismo no país.

RAIS – Relação Anual de Informações Sociais – importante instrumento de coleta de dados para a gestão governamental do setor do trabalho.

 

Fontes:

http://trabalho.gov.br/noticias

https://blog.solides.com.br/o-que-e-coronavirus/

https://revistapegn.globo.com/Administracao-de-empresas/noticia/2020/03/5-dicas-para-pequenos-negocios-enfrentarem-crise-do-coronavirus.html

https://revistapegn.globo.com/Empreender/noticia/2020/03/sebrae-identifica-setores-mais-afetados-pela-crise-do-coronavirus.html

http://www.rais.gov.br/sitio/sobre.jsf

https://pt.wikipedia.org

https://saude.abril.com.br/medicina/oms-decreta-pandemia-do-novo-coronavirus-saiba-o-que-isso-significa/

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

30 de Março de 2020

Compilado de medidas para ajudar os empreendedores em tempos de Coronavírus

SAIBA MAIS

 

30 de Março de 2020

Decretos, Normas e Leis que podem impactar os Empreendedores em tempos de Coronavírus

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 26/02/2020 15:15

Mercado para micro e pequenas empresas é favorável no país

Sebrae RS Podcast 26/02/2020 14:40

Scanner Sebrae possibilita autoavaliação das empresas

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: