Loading SEBRAE

Mais buscados: Sei MEI credito consultoria Boas praticas

Loading SEBRAE

E-commerce

Conferência E-commerce Brasil

10 dicas para você ter sucesso na sua Loja Virtual

17/11/17
Rodrigo Baierle Silva

Rodrigo Baierle Silva

Gestor dos Projetos de E-commerce SEBRAE RS

COMPARTILHE
Ter uma loja virtual é um processo que exige cautela e pode ser realizado pelo próprio empresário, porém é importante que possua conhecimentos específicos deste mercado.

Preparamos 10 dicas especiais para você que tem ou pensa em abrir um e-commerce:

    1. Descubra o seu caminho no E-commerce

    A primeira reflexão é quem vai comprar o meu produto? Se a sua resposta for todo mundo que tenha interesse, já começamos com dificuldades, pois correrá o risco de concorrer diretamente com grandes empresas e ser somente mais uma loja virtual. O segredo é definir o seu caminho, vender produtos que atendam a necessidade de um público muito bem definindo. Ex: Comercializar camisas diversas de futebol, para fãs do esporte e que são colecionadores.

    1. Onde estar presente?

    Após ter claro o seu caminho no e-commerce, é fundamental a escolha dos canais que sua marca estará presente, levando em conta qual a participação do seu público-alvo em cada mídia online disponível (Rede social, site, blog e etc.). Não gaste tempo e dinheiro só para estar presente em canais que não geram resultados para o seu negócio.

    1. Preocupe-se com a funcionalidade do seu e-commerce

    Na hora de contratar e/ou desenvolver a loja virtual, faça a seguinte reflexão: Qual será a sua função no processo de venda? Te respondo: Não pode em hipótese alguma dificultar a compra, o seu papel é simplificar e agregar valor na experiência do cliente com a marca.

    Na maioria dos casos um site funcional (Que não trave), tenha um bom leiaute, certificado de segurança e principalmente seja responsivo (se ajuste as telas de Smartphone, tablet e computador), lhe atenderá perfeitamente.

    1. Pense bem o seu estoque

    Já pensou vender e não ter o produto para entregar? Para que isso não aconteça é fundamental a definição de como será formado o estoque, levando em conta o custo X benefício: O estoque será de parceiros? Manterá a quantidade mínima? Terá a matéria-prima e após a venda confecciona o produto? Será misto, um pouco com a empresa e o restante com o parceiro? Trabalhe com o formato que lhe oportunize o melhor gerenciamento, sem comprometer custos e qualidade do produto.

  1.  

    1. Produza conteúdo Relevante

    Aqui está o tendão de Aquiles de muitas empresas que expõem seus produtos em e-commerce e Redes Sociais. Você pode ter o produto ideal para o seu cliente, mas se ele não enxergar isso, não venderá! A criação do conteúdo (Fotos, imagens e texto) deve ser feita com muita atenção, abordando sempre os benefícios do produto, para que ganhe destaque, agregue valor a proposta e cumpra o seu papel estimulando a compra.

    1. Cuidado com as entregas

    Um ponto muito crítico para o e-commerce é a logística, então gerencie o que está sob sua responsabilidade.

    #Atenção: Tempo de entrega informado no site. Receber o produto após o prazo previsto gera uma imagem negativa da empresa. Ação: Se o problema estiver na logística, faça contato com o cliente e informe a dificuldade, seja transparente e demostre a sua preocupação.

    #Atenção: Como o seu produto está chegando no cliente? Não deixe todo o trabalho feito de divulgação e relacionamento com o cliente ir por água abaixo, pela apresentação do produto em sua entrega. Ação: Faça pós-venda, saiba em quais condições o seu produto chega ao cliente, caso esteja abaixo da expectativa tome medidas para resolver.

    1. Mostre que o negócio tem pessoas

    Por mais que o e-commerce tenha o viés digital, são pessoas que compram e vendem produtos através de uma plataforma online. Utilize os canais de interação, Chat. E-mail, WhatsApp, telefone e etc. para demostrar o cuidado que os colaboradores da empresa, possuem com os seus clientes, isso aproxima e fortalece o relacionamento com a marca.

    1. Supere as expectativas

    Faça pelo cliente algo que ele não espere: Mande um cartão escrito à mão agradecendo a compra; ligue no dia do seu aniversário; dê um brinde personalizado; faça uma embalagem que o encante; faça um desconto inesperado. Seja criativo!

    1. Monitore e encare a reclamação como uma oportunidade de melhoria

    São muitas as opções de compra que possuímos na internet, então quando algum cliente seu reclamar, escute com atenção. Seria mais fácil e desastroso reclamar direto nas redes sociais. Agradeça e avalie se consegue resolver o problema, caso sim você ganhará a confiança do cliente.

    1. Dica Final: Mantenha-se atualizado

    O tema e-commerce é repleto de conteúdo e com rápida frequência aparecem inovações e novas informações que o empresário do ramo deve estar atento, pois afetam diretamente a operação e sucesso do negócio.

Quer saber mais sobre E-commerce? Acesse:

E-book – Como montar uma Loja Virtual

Pesquisa – Pesquisa Nacional do Varejo Online

 

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

12 de Julho de 2018

Senado aprova readmissão de empresas excluídas em janeiro no Supersimples

SAIBA MAIS

 

12 de Julho de 2018

Programa Lider – processo de desenvolvimento regional

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 13/07/2018 14:05

Série Plano de Negócios #01

Sebrae RS Podcast 09/07/2018 15:08

Sebrae promove bate-papo online com novas regras para o Pronaf

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: