Loading SEBRAE

Mais buscados: sei MEI crédito CONSULTORIA boas Praticas

Loading SEBRAE

E-commerce

Conferência E-commerce Brasil

10 dicas para você ter sucesso na sua Loja Virtual

atualizado em: 17/11/17
Rodrigo Baierle Silva

Rodrigo Baierle Silva

Gestor dos Projetos de E-commerce SEBRAE RS

COMPARTILHE
Ter uma loja virtual é um processo que exige cautela e pode ser realizado pelo próprio empresário, porém é importante que possua conhecimentos específicos deste mercado.

Preparamos 10 dicas especiais para você que tem ou pensa em abrir um e-commerce:

    1. Descubra o seu caminho no E-commerce

    A primeira reflexão é quem vai comprar o meu produto? Se a sua resposta for todo mundo que tenha interesse, já começamos com dificuldades, pois correrá o risco de concorrer diretamente com grandes empresas e ser somente mais uma loja virtual. O segredo é definir o seu caminho, vender produtos que atendam a necessidade de um público muito bem definindo. Ex: Comercializar camisas diversas de futebol, para fãs do esporte e que são colecionadores.

    1. Onde estar presente?

    Após ter claro o seu caminho no e-commerce, é fundamental a escolha dos canais que sua marca estará presente, levando em conta qual a participação do seu público-alvo em cada mídia online disponível (Rede social, site, blog e etc.). Não gaste tempo e dinheiro só para estar presente em canais que não geram resultados para o seu negócio.

    1. Preocupe-se com a funcionalidade do seu e-commerce

    Na hora de contratar e/ou desenvolver a loja virtual, faça a seguinte reflexão: Qual será a sua função no processo de venda? Te respondo: Não pode em hipótese alguma dificultar a compra, o seu papel é simplificar e agregar valor na experiência do cliente com a marca.

    Na maioria dos casos um site funcional (Que não trave), tenha um bom leiaute, certificado de segurança e principalmente seja responsivo (se ajuste as telas de Smartphone, tablet e computador), lhe atenderá perfeitamente.

    1. Pense bem o seu estoque

    Já pensou vender e não ter o produto para entregar? Para que isso não aconteça é fundamental a definição de como será formado o estoque, levando em conta o custo X benefício: O estoque será de parceiros? Manterá a quantidade mínima? Terá a matéria-prima e após a venda confecciona o produto? Será misto, um pouco com a empresa e o restante com o parceiro? Trabalhe com o formato que lhe oportunize o melhor gerenciamento, sem comprometer custos e qualidade do produto.

  1.  

    1. Produza conteúdo Relevante

    Aqui está o tendão de Aquiles de muitas empresas que expõem seus produtos em e-commerce e Redes Sociais. Você pode ter o produto ideal para o seu cliente, mas se ele não enxergar isso, não venderá! A criação do conteúdo (Fotos, imagens e texto) deve ser feita com muita atenção, abordando sempre os benefícios do produto, para que ganhe destaque, agregue valor a proposta e cumpra o seu papel estimulando a compra.

    1. Cuidado com as entregas

    Um ponto muito crítico para o e-commerce é a logística, então gerencie o que está sob sua responsabilidade.

    #Atenção: Tempo de entrega informado no site. Receber o produto após o prazo previsto gera uma imagem negativa da empresa. Ação: Se o problema estiver na logística, faça contato com o cliente e informe a dificuldade, seja transparente e demostre a sua preocupação.

    #Atenção: Como o seu produto está chegando no cliente? Não deixe todo o trabalho feito de divulgação e relacionamento com o cliente ir por água abaixo, pela apresentação do produto em sua entrega. Ação: Faça pós-venda, saiba em quais condições o seu produto chega ao cliente, caso esteja abaixo da expectativa tome medidas para resolver.

    1. Mostre que o negócio tem pessoas

    Por mais que o e-commerce tenha o viés digital, são pessoas que compram e vendem produtos através de uma plataforma online. Utilize os canais de interação, Chat. E-mail, WhatsApp, telefone e etc. para demostrar o cuidado que os colaboradores da empresa, possuem com os seus clientes, isso aproxima e fortalece o relacionamento com a marca.

    1. Supere as expectativas

    Faça pelo cliente algo que ele não espere: Mande um cartão escrito à mão agradecendo a compra; ligue no dia do seu aniversário; dê um brinde personalizado; faça uma embalagem que o encante; faça um desconto inesperado. Seja criativo!

    1. Monitore e encare a reclamação como uma oportunidade de melhoria

    São muitas as opções de compra que possuímos na internet, então quando algum cliente seu reclamar, escute com atenção. Seria mais fácil e desastroso reclamar direto nas redes sociais. Agradeça e avalie se consegue resolver o problema, caso sim você ganhará a confiança do cliente.

    1. Dica Final: Mantenha-se atualizado

    O tema e-commerce é repleto de conteúdo e com rápida frequência aparecem inovações e novas informações que o empresário do ramo deve estar atento, pois afetam diretamente a operação e sucesso do negócio.

Quer saber mais sobre E-commerce? Acesse:

E-book – Como montar uma Loja Virtual

Pesquisa – Pesquisa Nacional do Varejo Online

 

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Veja Mais

Empreendedorismo

Planejamento

Como modelar um negócio inovador

Notícias

11 de Outubro de 2019

Alimento do futuro é destaque na Feira Anuga

SAIBA MAIS

 

09 de Outubro de 2019

Rio Grande do Sul é um dos vencedores do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 11/10/2019 06:32

Mostratec tem mais de 750 projetos estudantis de ciência, inovação e tecnologia

Sebrae RS Podcast 09/10/2019 16:35

Inovação e tecnologia em saúde são tema de evento em Caxias do Sul

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: