Loading SEBRAE

Mais buscados: SEI CREDITO mei Consultoria Boas Praticas

Loading SEBRAE

Startup

Potencial à vista

10 startups gaúchas para ficar de olho em 2018

22/01/18
Debora Chagas

Debora Chagas

Coordenadora Estadual da Startups e Economia Digital do SEBRAE RS

COMPARTILHE
As startups estão trazendo novos modelos de negócios e rompendo a barreira dos negócios tradicionais

As startups estão cada vez mais presentes no nosso dia a dia trazendo novos modelos de negócios e facilitando nossa vida. Elas têm na sua essência a resolução de um problema real de mercado, aliado a um propósito e a uma geração de experiências para clientes que são cada vez mais exigentes.

De fintech a saúde, elegemos 10 startups gaúchas que se destacaram em 2017 e que irão crescer muito em 2018 para você ficar de olho:

Deeper

O Deeper é um aplicativo de relacionamento às cegas que conecta as pessoas com os mesmos interesses. Na contramão dos aplicativos que já existem no mercado, o Deeper acredita que a compatibilidade vai além das aparências: aqui o usuário só revela a foto depois de um tempo de conversa e se de fato a troca de ideias for boa.

O Deeper combate a superficialidade dos aplicativos atuais, que só se baseiam nas aparências e mais parecem um cardápio humano.

Atualmente está com 60 mil usuários, e a meta até o final de 2018 é chegar em 1 milhão aliado à expansão internacional.

Em dezembro de 2017 a startup recebeu um investimento de R$ 300 mil da Moove On. Para este ano também trará novidades no aplicativo, com uma nova versão utilizando inteligência artificial para fazer as combinações.

Egalitê

A Egalitê é especializada na inclusão de pessoas com deficiência (PCDs) no mercado de trabalho e tem a inovação em sua essência. No Brasil existe uma lei que obriga empresas com mais de 100 funcionários a incluir de 2% a 5% de pessoas com deficiência em seu quadro de colaboradores.

Para conseguir fazer a conexão entre as empresas e as PCDs, foi desenvolvida uma plataforma de recrutamento online, avaliação de perfil comportamental e educação totalmente adaptada para as pessoas com deficiência.

Em 2017, a Egalitê foi a primeira empresa do Brasil premiada no Global Grand Challenges Award, promovido pela Singularity University na categoria Prosperidade. Também foi considerada uma das 10 startups mais atrativas do Brasil, segundo o 100 Open Startups.

Em 2017 a startup cresceu sua base em 10 mil candidatos e já incluiu mais de 5 mil pessoas com deficiência no mercado de trabalho.

Help Bell

A HelpBell produz soluções baseadas em tecnologia IoT/ Cloud nas área de adesão ao tratamento, acionamento de emergências e cuidado a idosos e está com diversas novidades para este 2018. Além da abertura do e-commerce, três novos produtos foram recentemente lançados. Entre eles uma caixa de medicamentos inteligente wi-fi que manterá a temperatura controlada entre 2°C e 8°C e um sensor que, colocado sob o colchão, indica os sinais vitais sem nenhum fio e com a mesma acuracidade dos aparelhos hospitalares atuais, gerando relatórios, inclusive de qualidade do sono, indicando problemas como apneias. Estes produtos inicialmente estarão disponíveis para os clientes corporativos.

Através desta linha de produtos, a HelpBell já possui diversas tratativas com os principais laboratórios farmacêuticos, redes de farmácias e operadores de homecare, os quais utilizarão a plataforma para melhorar a qualidade e trazer inovação aos seus serviços.

Recentemente a HelpBell foi reconhecida pela Roche como uma das top 5 soluções para área de oncologia e ficou entre as top 10 startups brasileiras na área de Health pelo 100 Open Startups.

Meerkat

O Meerkat é uma startup que prove tecnologias de análise de imagens para a automatização de processos nas empresas. O principal produto é o sistema de reconhecimento facial, que vem sendo utilizado no controle de acesso e na autenticação mobile em fintechs, seguradoras e bancos.

O Meerkat está em processo de internacionalização para os EUA, países da Europa e Ásia e cresceu 107% de 2016 para 2017.

Recentemente a startup foi selecionada para o FINEP Startups, onde estão fazendo seu primeiro funding – R$ 1 milhão do FINEP e mais R$ 250 mil de investidores-anjos. A startup também foi selecionada para o Startup Brasil e está firmando parceria com a Aceleradora Ventiur para abrir mercado e ajudar na formalização de processos e estratégia de marketing da empresa. 

A meta para este ano é crescer, principalmente com empresas brasileiras – bancos e seguradoras, expandir um escritório comercial para São Paulo e iniciar visitas no Vale do Silício.

Piipee

O Piipee desenvolveu uma solução biodegradável que elimina em 100% o uso da água ao urinar. E que custa menos que a descarga, assim o usuário consegue reduzir seu consumo e seu custo com água potável.

A startup já passou de 400 clientes em todo Brasil com vendas para México e Moçambique, tendo um crescimento de 170% no último ano, com expectativa de triplicar esse crescimento em 2018.

A startup também recebeu diversos reconhecimentos nacionais e internacionais, o que demonstra o atendimento de uma demanda global. Neste mês, a Piipee abriu o seu primeiro escritório em São Paulo com vistas a instalar também um escritório em território internacional.

Rocket.Chat 

A Rocket.Chat é uma plataforma de chat open source voltada para o mercado empresarial, dando liberdade para que todas as organizações possam criar o seu próprio chat, podendo alterar o seu design e features sem ter que pagar por isso. A plataforma empodera as organizações, permitindo que elas tenham um canal oficial para que times remotos ou presenciais se conectem, colaborem e trabalhem em tempo real com a máxima segurança de informação. Uma espécie de Whatsapp corporativo com Skype for Business.

O projeto open source começou há dois anos com o intuito de criar a melhor plataforma de chat do mundo. Após um investimento de Series A do fundo de investimento americano New Enterprise Associated, no valor de US$ 5 milhões, a empresa saiu de cinco colaboradores para 40, construindo a maior e mais ativa comunidade de desenvolvedores de chat do Github, mais de 700 contribuidores do projeto e 15 mil seguidores no Github, somando cerca de 10 milhões de usuários e 180 mil servidores instalados no final de 2017.

Em 2018, além de criar versões customizadas para diferentes setores do mercado, a startup vai dar início ao processo de federação da plataforma e criação de um Marketplace que beneficiará todos os usuários com inúmeros aplicativos adicionais.

TownSq

A TownSq (originalmente SocialCondo) foi criada com o propósito de utilizar a tecnologia para facilitar o dia a dia em conjunto e trazer de volta o senso de comunidade nos condomínios. Com seu aplicativo, a TownSq, está presente hoje em mais de 100 mil lares no Brasil, e facilita a vida de síndicos e moradores com sua plataforma intuitiva para resolver de forma simples as principais necessidades de comunicação e processos internos do condomínio.

Em 2017, a startup recebeu aporte de um fundo americano e firmou parceria com a maior administradora de condomínio do mundo. O ano encerrou com o aplicativo presente em 200 mil casas americanas, e até o fim de 2018 o TownSq estará presente em 2 milhões de lares no mundo.

Triider

O Triider conecta os melhores profissionais do mercado e garante a qualidade dos serviços contratados pela plataforma. Desde a pintura da parede da sala até o DJ para o casamento. Até o fim do mês de janeiro, será possível contratar profissionais para a realização de eventos e festas. Serão mais de 30 categorias de serviços. Por enquanto, a startup gaúcha atua em Porto Alegre e Canoas.

Focada em contratação de profissionais qualificados, todos os prestadores cadastrados passam por uma rígida verificação de referências e antecedentes, antes de se tornarem um profissional Triider.

Hoje, já conta com mais de 16 mil usuários e 120 profissionais cadastrados. A startup também recebeu recentemente um investimento com foco na sua expansão em 2018.

Warren

Warren é uma plataforma de investimentos que ajuda as pessoas a investirem de forma fácil, inteligente e segura.  Investir via bancos e corretoras é complexo e cheio de conflitos de interesses, e o Warren resolve esses dois problemas entregando uma solução simples e 100% alinhada com o cliente. 

A startup completou o primeiro ano de vida agora em janeiro, com mais de 25 mil clientes e R$ 100 milhões sob gestão. A meta para 2018 é ultrapassar os 60 mil clientes e R$ 1 bilhão sob gestão.

Wedy

O Wedy, ex Mecasei.com, oferece uma solução que acompanha os noivos desde o pedido de noivado até além do altar. Enquanto seus players de mercado estão focados em sites de casamento ou listagem de fornecedores, o Wedy está construindo inteligência de mercado baseada em dados para entregar aos noivos sugestões personalizadas, e assim, proporcionar a cada casal organizar o casamento como deseja.

A startup foi criada em 2014 e fechou 2017 com o valor transacionado na plataforma em R$ 20 milhões, 65% a mais que em 2016. O site acabou de receber o primeiro “round” de investimento, com aporte no valor de R$ 800 mil em uma rodada  liderada pelos investidores-anjos Eduardo Smith e Marco Poli.

Com o objetivo de globalização e apresentação de diferencial de produto e serviços, a startup, que já atendeu mais de 300 mil noivos em todo o território nacional, focará na internacionalização em 2018.

Startup RS

O RS tem fortalecido seu ecossistema e se destacado no cenário nacional com a presença de atores envolvidos ativamente nesse cenário de startups e novos modelos de negócios como as aceleradoras, parques tecnológicos e incubadoras, investidores e instituições que, como o Sebrae RS, apoiam o desenvolvimento destes negócios através de programas de pré e aceleração, investimentos e incubação. Outro fator positivo neste cenário são as próprias startups e seus empreendedores, que crescem e retornam ao ecossistema suas experiências através de mentorias, melhores práticas e compartilhamento de informações. Já temos cases de sucesso como o Me Salva, Superplayer e Devorando (vendida para o ifood) e que ajudam inspirar novos empreendedores.

 

Se você tem um startup e busca validar seu modelo de negócio e/ou escalar vendas, o Sebrae RS está com inscrições abertas para o programa StartupRS Scale,  vai até dia 18 de fevereiro – Acesse 

 

Para saber mais sobre o Startup RS – Acesse

 

COMPARTILHE
ESTE CONTEÚDO FOI ÚTIL PARA VOCÊ?

Notícias

24 de Maio de 2018

Estande coletivo do Sebrae RS é atração da Sulserve

SAIBA MAIS

 

24 de Maio de 2018

A gastronomia na pauta em Pelotas

SAIBA MAIS

Vídeos

Ouça o podcast do SEBRAE

Sebrae RS Podcast 24/05/2018 11:38

Fique atento aos erros comuns na hora da declaração anual do MEI

Sebrae RS Podcast 24/05/2018 11:36

Ações do Sebrae buscam soluções na Feira Brasileira de Varejo

Atendimento - Chat

Olá, tudo bem? Preencha os campos para iniciarmos o chat. ;)

Por favor, preencha o formulário abaixo e retornaremos seu contato assim que possível.

Início em: